segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Um mal que não me afecta (ainda...)


Esta excelente ilustração, gamada daqui, coloca a nu uma das principais fragilidades da condição humana da actualidade. Retirando deste contexto o GMail, que é deveras uma poderosa ferramenta de trabalho, considero o Facebook uma verdadeira perda de tempo. A sério, ao fim de 20m a cuscar  fotos alheias perco todo o interesse na coisa, ainda por cima com aquela enxurrada de convites e posts dos mais variados jogos (sinceramente não encontro piada a nenhum - e sim, gosto de jogos...), mal consigo ver algo que me interessa. E ainda por cima o Facebook promove a censura, como se comprova nest imagem:



O Twitter é diferente, o sistema em si está pensado para que rapidamente se coloque no ar o que se passa no momento. O problema é precisamente esse. Tanto podemos pedir ajuda a que os médicos sem fronteiras façam o seu habitual excelente trabalho, como neste tweet de Ann Curry, que foi considerado um dos mais importantes de 2010. Como podemos utilizar 3% da plataforma para isto...

2 comentários:

  1. Adorei, em especial atenção, a primeira imagem do traingulo da perdição.
    Não tenho nada contra o Facebook e até o acho mais potente que o Twitter, que não me atrai em nada talvez por não pretender e achar piada à situação de dizer no momento. Mas cada qual tem a sua...

    ResponderEliminar
  2. Distibgo o Facebbok do Twitter - principalmente pelos grupos de pessoas que estão num lado e no outro. Mas se o livro das caras é o que é, fico assim um pouco desiludido comigo por não potenciar o uso do Twitter. Algumas coisas fazem-me ainda confusão, porque nunca perdi um pouco de tempo... e agora já não me apetece aprender!

    O gmail já é outra história. Com todos os filtros e respostas automáticas e mais umas cenas do labs e acabou por se transformar numa ferramenta de trabalho potente. Juntamente com o Evernote aumentaram a minha produtividade de uma forma que eu sinto que presto um serviço muito melhor.

    Muitos dos meus pacientes, médicos amigos e até a administração entram em contacto comigo por email, e com estas ferramentas consigo ter um acompanhamento mais adequado e profissional. esteja eu onde estiver.

    ResponderEliminar

Escreve aqui a tua opinião, seja ela qual for.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Procurar na Bancada de Imprensa

Pesquisa personalizada

Número total de visualizações de página

SiteMeter

FeedBurner FeedCount

Page Rank

Subscribe via email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner