segunda-feira, 4 de outubro de 2010

Surreal conferência de imprensa de Jorge Jesus...

Depois da difícil vitória sobre o Sp. Braga (1-0), no Estádio da Luz, em jogo da 7ª jornada da liga, Jorge Jesus, treinador do Benfica, teve uma conferência de imprensa memorável de tão surreal que a mesma se tornou. Apelando ao Benfiquismo de todos os que viram o jogo, jornalistas incluídos afirmou que: «Vencemos por 1-0, mas podíamos ter vencido por mais. Na minha opinião só o Benfica teve oportunidades.» Um jogo que claramente só ele terá visto. Aproveitou para desconsiderar Carlos "ganho muita bem" Martins «Dentro dos médios criativos que há em Portugal, não há muito mais com a qualidade de Carlos Martins» O que significa que há mais. Estaria ele a falar de Belluschi, André Santos, Moutinho, Micael, Vukcevic, Izmailov e etc?  Perante a 1ª defesa, digna desse nome, do Guarda-Redes espanhol Roberto, não soube capitalizar o facto e afirmou «Na minha opinião só o Benfica teve oportunidades». Aproveitou para regurgitar animosidade para o outro lado da 2ª circular ao afirmar que «Na minha opinião o Braga está forte como ano passado, tem muitas soluções. Para mim é um dos três candidatos ao titulo» Partindo do princípio que não se exclui desse lote de três...  
Jorge Jesus acaba por afirmar que prefere acabar esta jornada em 3º porque isso significa que o V. Guimarães terá vencido o FC Porto e revelando assim um preocupante receio do actual líder. 
Eis como é possível desbaratar todo um conjunto de factores que poderiam alavancar a agremiação lisboeta. É necessário, e urgente, melhorar a comunicação do emblema da águia para que, de uma vez por todas, deixe de dar tiros nos pés. Mas também não é com os jornalistas (?) da Benfica TV que nesse aspecto vão melhorar. 
De referir que Domingos Paciência queixa-se de uma falta não marcada no início do lance que haveria de dar origem ao golo encarnado. Assim sendo prevê-se que nos próximos dias os responsáveis encarnados convoquem uma conferência de imprensa a pedir desculpas pelo facto. Isto em nome da verdade desportiva que as pessoas de boa fé sempre advogam...


Enhanced by Zemanta

23 comentários:

  1. O problema é que a maior parte das respostas de que fala este post, foram todas elas "quase" impostas pela imprensa, que com sede de mais polémica, faz perguntas previamente elaboradas e diferentes para ambas as situações, derrota e vitória.

    Se Jesus tivesse dito que o Carlos Martins era o melhor e mais perigoso médio centro Português, era porque seria exagero. Se diz que não há muitos melhor que ele, é porque é exageradamente modesto.

    Obviamente que insistiram no tema "corruptos", o que embora seja normal vindo de quem vem -os jornalistas- não deixa de ser irritante. Honestamente não vejo mal em reconhecer que era preferível acabar em 3º nesta jornada, porque quem vai à frente dificilmente perderá pontos, até pelas escandalosas arbitragens que se vê, mas que já se viam antes do Dourado tempo do apito, e continuaram a ver depois. Mas pessoalmente acho que o Jesus devia te evitado o tema "inimigos corruptos", não havia necessidade, apesar de ele o ter feito com respeito.

    Comparar um fora-de-jogo duvidoso, ou um cartão que ficou por mostrar (aconteceu para os dois lados), ao que o Benfica já passou neste inicio de época, é quase uma flecha que acerta no coração de um benfiquista.

    Só concordo com uma coisa, na parte dos candidatos ao título. Aí Jesus enganou-se e tenho a noção que ele próprio se apercebeu disso segundos depois de o ter dito, mas depois já ficava mal corrigir. É o hábito de se dizer "os 3 grandes" em Portugal ;))

    Cumprimentos

    ResponderEliminar
  2. O presidente dos curruptos o ano passado tambem disse que a unica equipa que lhe iria dar luta era o braga... E nao e que deu mesmo... haaaaahaaaaa

    ResponderEliminar
  3. Lol a falta deve ter sido de jeito... Haaaa se preceberes de estatisticas ve o jornal de hoje... FAZES PARTE DOS CROMOS DE PORTUGAL TU

    ResponderEliminar
  4. que atrasado mental que me saíste.
    aposto que nem sabes de que falta é que o Choramingas esta a falar.

    ResponderEliminar
  5. Tu é que devias ter a televisão sintonizada no jogo errado... o braga teve uma oportunidade flagrante, defendida pelo roberto... que na minha opinião foi mais uma falha do jogador do braga uma vez que facilitou no remate, que defesa do braga.. do lado do benfica tivest alem do golo, remate do saviola, com uma defesa suberba do guarda-redes, e uma falha incrivel do fábio coentrão... E se o jesus tivesse falado da arbitragem, falava muito bem... Aliás eu como benfiquista, concordei com o anti jogo que o benfica fez no fim... porque o anti-jogo feito pela equipa do braga durante 70 minutos, foi para enervar a equipa encarnada... ainda mais... Em que outro país senão portugal, aquela substituição tinha ficado sem a amostragem da cartolina... muitos acredito que nem fosse so amarela... alem do jogador ter perdido 2 ou 3 minutos a queixar-se no centro do relvado... dps de entrar o carrinho maca levanta-se como se nada fosse... e goza claramente com a situação, cumprimentando de forma euforica os companheiros... junto do árbitro... que palhaçada... Fui tão isente (ou menos) neste comentário como tu =)

    ResponderEliminar
  6. kompensan resolve isso oh artista

    ResponderEliminar
  7. Ao anónimo que pediu estatísticas... Claramente falhaste no alvo porque se vais por aí o jogo foi mais equilibrado do que julgas. É o mal de se falar do que não se sabe.

    Remates à baliza: 9 para cada equipa
    Cantos: 7 para cada equipa
    Foras de jogo: Benfica 2 e Braga 3 (sim, está incluído aquele lance em que Alan seguia isolado para a baliza...)

    ResponderEliminar
  8. Primeiro: Que palavra é regogitar?

    Segundo: Não vejo o que é que houve de chocante na conferência de Jesus. Nem sequer a tua azia a analisá-la. É perfeitamente expectável.

    É engraçado não ver a posse de bola nessa estatística que trouxeste. Provavelmente foi tão equilibrada que não pensaste em trazê-la.

    ResponderEliminar
  9. Eu regurgito para ti a estatística da posse de bola: Benfica 56% - Braga 44%. Como se vê um massacre sem precedentes!

    ResponderEliminar
  10. Bom, vim cá confirmar o que se previa. Na maioria das tuas intervenções, o teu argumento "não deves ter visto o jogo" (e suas variantes) cria-te a ilusão de que tens razão. Mas não tens, meu amigo. Aparentemente, tens uma interpretação do real bastante peculiar (diria mesmo única no mundo). Não entendo a embirração com o Jesus na conferência de imprensa. Quanto a mim, respondeu bem ao que lhe foi perguntado. Estás a amesquinhar e isso é mau sintoma. Já vês erro onde existe acerto. Implicas com o Roberto qaundo o homem fez uma boa exibição, segura. Usas a estatística mas recusas-te a interpretá-la (quantos dos remates foram perigosos, por exemplo?). Viste erros de arbitragem a favor do Benfica onde mais ninguém os encontrou. Aparentemente, erros a favor do Braga não existiram - digo isto, mas a arbitragem foi bastante acertada e os erros, a terem existido, não foram comprometedores. Para finalizar: achincalhas o Jesus por causa da conferência de imprensa. Agora digo-te eu: não deves ter visto a do Domingos. Gostaria que a comentasses, já agora, se a tiveres visto.

    ResponderEliminar
  11. Ah, falta o remate final: surreal é a tua análise. Era só isto que eu queria dizer. Mas enfim, cada um trata-se como pode.

    ResponderEliminar
  12. @Diego Armés. Como vi erros de arbitragem onde mais ninguém viu? Por acaso não viste o fora de jogo mal assinalado? Naquele momento poderia ser o 0-1 para o Braga. Sejamos honestos!

    ResponderEliminar
  13. Não sei a que lance te referes. Já li os três jornais desportivos, inclusivamente, em busca do tal escândalo na Luz. Nenhum menciona essa roubalheira a que te referes. Há vários erros (menores, todos eles) da arbitragem e acontecem para os dois lados - foi isto que eu vi, foi isto que os jornalistas e árbitros comentadores viram. Queres que te envie por e-mail? É só digitalizar e enviar. Portanto, eu vi o jogo certo. Tenho a certeza disso.

    Repito a questão deixada no meu comentário anterior: amesquinhaste com o Jesus num conferência de imprensa absolutamente normal onde respondeu com acerto às questões colocadas. Viste a conferência de imprensa do Domingos Paciência? O que tens a dizer sobre ela?

    Começo a desconfiar que estás a gozar com a malta e no fundo só queres fazer-me perder tempo...

    ResponderEliminar
  14. Sim vi a conferência de imprensa de Domingos Paciência. Também ele não foi honesto quando afirmou que «Não houve muitas situações de golo de parte a parte, mas se calhar a equipa que esteve mais próximo de chegar ao golo foi o Braga.» Isto era para rir, só pode. O Benfica merecia ganhar, obviamente que teve mais oportunidades. Isso é incontestável. Mas diz-me quantas vezes acontece de uma equipa merecer ganhar e chegar ao fim do jogo com um empate ou uma derrota? Tu sabes muito bem, porque viste o jogo, que o árbitro assinala um fora de jogo posicional a Lima, quando Alan seguia isolado. O jogo estava neste momento 0-0, instantes depois o benfica marca golo. Ontem na TVI, o ex-árbitro Pedro Henriques, assinalou este lance considerando que houve um erro de arbitragem.

    ResponderEliminar
  15. Pois, aquele lance em que o Lima se faz à bola estando em posição de fora-de-jogo? Realmente há um erro: o do Lima. Se tivesse ficado quietinho, o Alan poderia ter prosseguido a jogada e proporcionado mais uma excelente intervenção ao Roberto. Fica o Braga a perder um canto (e assim já ultrapassava o Benfica na estatística dos cantos). Se me respondes que estou a especular, eu deixo-te já a resposta: e tu, estás a fazer o quê? Mas mantenho: o Lima faz-se à jogada, logo, o fiscal-de-linha tirou o fora-de-jogo. Azaruxo.

    Acho curioso que o Domingos, que deu conferência de mau perdedor - em que inclusivamente se queixou das queimas de tempo do Benfica nos descontos quando a equipa dele passou 73 minutos a pastelar sempre que havia uma bola parada -, só te mereça esse comentário singelo. Com tanto latim que gastaste com o Jesus, estava à espera de mais, sinceramente.

    Posto isto, não entendo se queres fazer os outros de parvos apelando à isenção e à análise honesta ou se, simplesmente, queres provocar os benfiquistas. É que estás longe de ser isento e tens tua honestidade francamente inflacionada.

    ResponderEliminar
  16. O Lima fez-se à bola?! Vê o lance outra vez.

    Mas se vires com atenção, nem o Lima está fora-de-jogo.

    ResponderEliminar
  17. Ah... afinal até sabias qual era o lance em questão... Eu sou sempre pela verdade desportiva, imagina lá tu que na época passada chamavam-me de Benfiquista só porque eu dizia que havia muito mérito nas vitórias do benfica, quanto toda a gente falava nos túneis nos penaltys e nos vermelhos aos adversários. Para mim isso era demasiado redutor, por isso sempre disse que o SLB venceu com inteira justiça. O mesmo se passa este ano, o Benfica mais fraco, o FCP está mais forte e o choradinho em vez de vir do Norte agora vem do Sul. Mas verdade seja dita, não é nada que me surpreenda, todos os anos as cenas repetem-se com os intervenientes a estarem ora de um lado ora do outro. Enquanto não se interiorizar que algo falha no nosso clube, havendo espaço então para as necessárias correcções, e afinar a pontaria sempre para as arbitragens, nunca conseguiremos ser um clube, verdadeiramente vencedor. No futebol como na vida, 1º melhorar o que temos de pior, senão nunca seremos ninguém...

    ResponderEliminar
  18. @Anónimo (eh pá, inventem um nick qq para falarmos à vontade). A mim parece-me que Lima está em fora de jogo. Posicional.

    ResponderEliminar
  19. Mas ouve lá, estás a misturar alhos com bugalhos? Tu - sim, tu! - levantaste o problema da arbitragem num jogo em que ninguém tem razões de queixa (e sim, lembro-me do lance porque o identificaste; e sim, anónimo, o Lima começa por fazer-se ao lance e está realmente fora-de-jogo). De repente, estás-me a dizer que o choradinho vem do Sul (pá, só me queixo de uma arbitragem, a de Guimarães; de resto, acho que há um critério "estranho" na mostragem de cartões e nos penalties assinalados... mas isso são peanuts, o Benfica tem mais é que jogar à bola, estar ao seu nível) e, de repente, dás-me lições sobre "o futebol e a vida"? :) Surreal. Tu é que és surreal.

    ResponderEliminar
  20. @Diego. Afinal não fui só eu que viu erros na arbitragem. Não me digas que não tens assistido ao choradinho vindo do Sul? esse mesmo choradinho que no ano passado vinha do Norte. São desculpas patéticas de quem não sabe ser melhor. A lição não era para ti em especial, mas para todos os adeptos que não conseguem ver mais além do que a cor do seu clube. Folgo em ver que só existe uma arbitragem que prejudicou o Benfica. Eu considero o mesmo. E a favor, alguma?

    ResponderEliminar
  21. Este ano? Não, nenhuma. Atenta na passagem dos critérios "estranhos". A questão é que os adeptos anti-benfiquistas, em geral, consideram que a malta não estar a dormir é andar com choradinhos. Não me revejo, obviamente, no comunicado anedótico da "indignação benfiquista". Repito: a equipa tem mais é que ser superior aos adversários, sejam eles 11 ou 14 (ou menos que 11, quando merecem ser expulsos). Mas lá está, não andamos aqui todos a dormir. Isto vale para tudo: para ver as arbitragens, para os discursos do Vieira, para as bocas do Pinto da Costa ou para as escutas que aparecem no YouTube. De qualquer forma, foste TU quem puxou incompreensivelmente o tema da arbitragem a propósito deste jogo. Este ponto da conversa, pela minha parte, está encerrado.

    Quanto ao resto, digo-te o que disse no BNRb: olhando as tuas análises, aquilo que, aparentemente, pretendes que seja tomado por "isenção, honestidade e imparcialidade" não passa de ataque gratuito ao Benfica - o Roberto?! A conferência do Jesus?! O fora-de-jogo do Lima?! Mas tu estás mesmo a falar a sério?

    Vou dizer-te o que vi ontem, sucintamente. Um jogo bem disputado, com duas equipas muito bem armadas. O Benfica com mais jogo, mais bola, mais ataques e mais oportunidades sem, contudo, ter metido o adversário no bolso. Esta ligeira superioridade traduziu-se em 1 a 0. A mim parece-me do mais justo que há (por exemplo, na Madeira, aquele 1 a 0 ao Marítimo é uma vergonha... o ano passado, com aquele número de oportunidades, dávamos pelo menos 6). Esta arbitragem foi razoável, teve acerto, teve um critério equilibrado, na generalidade dos lances (e compreendo que nunca poderá haver uma perfeita). O Roberto fez uma exibição tranquila e segura e interveio bem sempre que foi chamado a intervir. O Jesus esteve bem. Na conferência de imprensa respondeu com equilíbrio às questões, não se expondo demais, mas também não se escondendo. A propósito do Carlos Martins: dizer que "em Portugal não há muitos ao nível dele". Queres que eu te traduza a frase para compreenderes como ela é acertada sob qualquer ponto de vista ou chegas lá sozinho? Vá, eu ajudo: basicamente, o Jesus colocou o Martins entre "os melhores médios portugueses da actualidade". Não é algo que seja óbvio. Ele não era sequer escolha para a selecção. Agora é-o. A par de outros bons jogadores para a mesma posição, como o Ruben Micael ou o João Moutinho (vamos discutir agora qual deles é o melhor? Não tenho nem tempo nem argumentos que defendam que um é melhor que outro por isto ou por aquilo). Importas-te de me explicar onde é que está o erro do Jesus? Outra: o Saviola tem uma falha inacreditável, com tudo para fazer golo, na segunda parte; na primeira, tem um remate notável para uma defesa espectacular do Felipe. O mesmo Felipe que, logo no início, safou um remate potente do Martins e uma tentativa de surpresa do Kardec, com defesa apertada. Há ainda um lance em que defende em cima da linha de golo um ressalto num colega seu. São cinco lances que podiam, perfeitamente, ter terminado em golo (tinham tudo para isso). O Jorge Jesus diz o seguinte "podíamos ter marcado mais golos". É a isto que tu chamas surreal? Não brinques comigo. Na minha terra a isto chama-se "marrar com o Benfica".

    Over and out.

    ResponderEliminar
  22. É difícil argumentar com uma pessoa que, ao fim de 7 jornadas, diz que o benfica não foi beneficiado uma única vez este ano. E achas que responder com equilíbrio é menosprezar um eterno rival, do outro lado da 2ª circular, ao afirmar «Na minha opinião o Braga está forte como ano passado, tem muitas soluções. Para mim é um dos três candidatos ao titulo» Uma pergunta: http://www.youtube.com/watch?v=FwMKSxPfiSI

    ResponderEliminar
  23. Que burro! Os benfas nunca são prejudicados!!! Kem pensas tu que és, sim tu Arnés!!!, para dizer k não são prejudicados. Continua a mamar chorão.
    Que burro! LOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOLLLLLLL

    ResponderEliminar

Escreve aqui a tua opinião, seja ela qual for.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Procurar na Bancada de Imprensa

Pesquisa personalizada

Número total de visualizações de página

SiteMeter

FeedBurner FeedCount

Page Rank

Subscribe via email

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner